quarta-feira, 18 de agosto de 2010

"Utópico nós"


Não tenho as palavras certas, não sei por onde começar, nem a melhor forma para te tocar.
Sei apenas que o teu misterioso ser, é irresistível, é delicioso, é estimulante, é completamente perfeito.
Sabes perfeitamente, que mudaria por ti.
Sabes que me tornaria o que desejares,
Porém, poderás dizer, ao ler isto, que deixaria de ser eu próprio, que perderia a minha (fraca) essência; mas de que me vale ser eu, se não te tenho?
De que me vale ser um eu, se anseio por ser um nós?
De que me vale ser eu, se este débil e incompleto eu, não te sente, não te tem, não pode olhar-te a qualquer hora, não sente nem nunca sentiu teus doces lábios?
Não quero ser este eu que te vê como uma inatingível utopia.
Quero antes agarrar-te nas tuas mãos, olhar-te nos olhos e perguntar-te:
“-Queres ser minha?”

46 comentários:

  1. "Não quero ser este eu que te vê como uma inantigível utopia", eu gostei :)

    ResponderEliminar
  2. Não é exagero,é apenas a verdade $:
    Não está nada demais,escrevi o que me vinha na cabeça naquele momento :x

    ResponderEliminar
  3. Então e acabou por sair um post muito bonito $:

    ResponderEliminar
  4. Só disse o que achava :)
    As horas dos comentários estão esquisitas xD

    ResponderEliminar
  5. não quero ser repetitiva , mas fogo isto está mesmo lindo *o*

    ResponderEliminar
  6. Tudo isso sim (:
    Nem comeces com as tuas teimosias Diogo :x

    ResponderEliminar
  7. depois apaga este se quiseres - uma pequena gralha: tens um "n" a mais na palavra "inatingível" xD

    ResponderEliminar
  8. quem sabe um dia tu e ela se transforma nesse nós.

    ResponderEliminar
  9. viste ? , outra vez !
    se o que eu digo é mentira , estás a dizer-me que eu sou mentirosa :s

    ResponderEliminar
  10. Escreves com uma doçura divinal. :)

    ResponderEliminar
  11. "Não quero ser este eu que te vê como uma inatingível utopia.
    Quero antes agarrar-te nas tuas mãos, olhar-te nos olhos e perguntar-te:
    “-Queres ser minha?” "

    Está lindo :)

    ResponderEliminar
  12. Já não postava há bastante tempo e nem tinha respondido aos comentários, peço imensa desculpa :x
    Mas, felizmente, estou de volta...
    Quanto ao comentário que lá tinhas deixado, não não é nada verdade e deixa de ser tão modesto rapaz, se elogiam os teus textos recebe os elogias e faz deles uma coisa boa, não contraries, porque se não gostassem realmente do que escreves ninguém tem necessidade em mentir... :)

    ResponderEliminar
  13. olha que eu gostei (:
    já deu para reparar, eu tenho escrito, mas não tem saído nada de jeito.

    ResponderEliminar
  14. e eu contigo tontico!!
    oh por me andares sempre a ouvir!

    ResponderEliminar
  15. MEU DEUS, tu escreves de uma maneira LINDA :)

    ResponderEliminar
  16. nem inventes, adoro as palavras que usas :)

    ResponderEliminar